CotidianoNotĂ­ciasSaĂșde

Greve nacional da enfermagem 2023: Categoria exige cumprimento do piso salarial.

Venenoise

A categoria da enfermagem estĂĄ atualmente pressionando pela implementação do novo piso salarial em votação no STF. Consequentemente, o sindicato anunciou uma greve nacional devido a um significativo atraso no pagamento do piso salarial da enfermagem. Diante dessa situação, o ato conseguiu mobilizar centenas de profissionais de saĂșde, que se uniram em uma marcha pelas ruas das principais capitais de todo o paĂ­s.

Foto: Freepick

AdesĂŁo a greve nacional da enfermagem

Então, profissionais da enfermagem, o que inclui enfermeiros, técnicos e auxiliares, aderiram à greve e realizaram uma manifestação nas ruas de Fortaleza nesta quinta-feira (29). Dessa forma, eles estão reivindicando o pagamento do piso salarial da categoria, medida que foi sancionada pelo presidente Lula em abril deste ano.

Novos valores

Aprovado pelo Congresso Nacional, o texto estabelece o valor de R$ 4.750 como piso nacional para enfermeiros tanto no setor pĂșblico quanto no privado. Dessa forma, esse valor vai servindo como referĂȘncia para o cĂĄlculo do salĂĄrio mĂ­nimo de tĂ©cnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras.

Profissionais de enfermagem entraram em greve nesta quinta-feira (29). — Foto: SindsaĂșde CearĂĄ/ Divulgação

Responsåveis pela organização da greve no Cearå

A mobilização estĂĄ sendo organizada pelo Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de SaĂșde no Estado do CearĂĄ (SindsaĂșde CearĂĄ) e outras entidades da categoria.

Martinha BrandĂŁo, presidente do SindsaĂșde CearĂĄ.

“A greve Ă© uma decisĂŁo difĂ­cil, tomada com coraçÔes pesados, atĂ© pedimos desculpas Ă  população, mas tudo isso Ă© um ato de coragem e resistĂȘncia da categoria, como tambĂ©m, Ă© o Ășltimo recurso que encontramos. Os profissionais da enfermagem estĂŁo cansados de implorar por condiçÔes dignas de trabalho e pelo piso salarial que Ă© um direito garantido em lei federal”, disse Martinha BrandĂŁo, presidente do SindsaĂșde CearĂĄ.

Dessa forma, a Secretaria da SaĂșde do CearĂĄ (Sesa) informou ainda que o atendimento nas unidades da rede segue dentro da normalidade.

O secretĂĄrio da saĂșde de Fortaleza, Galeno Taumaturgo, revelou que o ĂłrgĂŁo aguarda a publicação de uma portaria pelo MinistĂ©rio da SaĂșde que traga maior clareza sobre o pagamento do piso salarial.

“A Secretaria Municipal de SaĂșde reconhece que Ă© uma reivindicação justa. Essa classe merece receber o seu piso. O que estamos aguardando Ă© uma definição mais precisa por parte do MinistĂ©rio da SaĂșde. […] Assim que essa portaria for publicada, poderemos iniciar o trabalho, que jĂĄ foi iniciado, para a implementação do piso salarial da categoria”, declarou o secretĂĄrio Galeno Taumaturgo.

Pedro Magina

Supervisor editorial, Especialista em Marketing Digital e Ai. Ceo do Grupo empresarial MAGINA CORPORATE ResponsĂĄvel por garantir a qualidade e a consistĂȘncia do conteĂșdo produzido, supervisionando a equipe de redatores, editores e repĂłrteres.

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Check Also
Close
Back to top button